Espetáculo Exus

Exu: Da investigação da teatralidade na oralidade popular brasileira à tecedura dramatúrgica contemporânea.

NAVARRO_Gracia_Maria_KOPELMAN_Isa_SOBRINHO_Gilberto_Alexandre

artigo completo:

http://www.portalabrace.org/viireuniao/dramaturgia/NAVARRO_Gracia_Maria_KOPELMAN_Isa_SOBRINHO_Gilberto_Alexandre.pdf

Resumo: EXÚ é uma peça teatral, fruto da investigação de estruturas dramatúrgicas oriundas da teatralidade na oralidade popular do Brasil. A peça conjuga na sua dramaturgia cênica, atuação de atores, imagens de vídeo e letras de música para falar sobre Exú, entidade religiosa, que veio ao Brasil no patrimônio cultural dos africanos que chegaram como escravos, nos períodos do Brasil - Colônia e do Brasil - Império. Os procedimentos metodológicos para a construção dessa dramaturgia foram selecionados com o objetivo de abordar esse orixá do ponto de vista dos atores e da relação com Campinas, a partir do legado dos negros deixado na cidade e inscrito na ocupação do seu território urbano. Para abarcar esse contexto, simultaneamente atemporal, pois relacionado ao tempo do mito, e contemporâneo, circunscrito no contexto dos atores e da cidade de Campinas, aliamos à linguagem teatral a linguagem do filme documentário.